Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Homens pediam copo com água e roubavam ouro a idosos no Algarve

Assaltantes entravam nas habitações dos idosos, em Faro e Olhão.
Tiago Griff 16 de Janeiro de 2020 às 08:24
Tribunal de Faro
Tribunal de Faro FOTO: Nuno Alfarrobinha
Três homens estão a ser julgados, no Tribunal de Faro, por terem participado em vários roubos em habitações em zonas isoladas dos concelhos de Faro e Olhão, no início de 2019. Os arguidos escolhiam sempre, como alvos dos crimes, pessoas mais idosas, devido à sua fragilidade física, para depois lhes roubarem, principalmente, artigos em ouro. As vítimas, entre os 69 e 79 anos, também sofreram agressões violentas durante os roubos.

O ‘modus operandi’ deste trio de assaltantes foi idêntico nos quatro casos registados pelas autoridades. Escolhiam casas em zonas isoladas no interior dos dois concelhos vizinhos e procuravam idosos que residiam sozinhos através de um reconhecimento que faziam naquelas zonas antes de ‘atacarem’.

Tocavam à campainha e faziam conversa de circunstância com os proprietários, como pedir um copo com água ou informações sobre a vizinhança para conseguirem ganhar confiança e entrarem nas habitações. Uma vez no interior, forçavam as vítimas, quase sempre através de violência física, a dizer onde tinham guardados os valores, sendo que o objetivo era roubar artigos em ouro.

Os três suspeitos foram detidos em abril do ano passado, após três meses de investigação realizada pela GNR que envolveu buscas domiciliárias em três habitações. Na altura, foram apreendidos artigos em ouro roubados, como fios, brincos, pulseiras e medalhas. Os suspeitos estão em prisão preventiva desde as detenções.
Faro Algarve Tribunal de Faro Olhão questões sociais crime lei e justiça polícia crime roubo
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)