Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Incêndio deixa famílias sem casa

Fogo poderá ter começado num recuperador de calor.
Joana Costa 23 de Fevereiro de 2016 às 08:31
Fogo deflagrou pelas 00h50 de segunda-feira numa casa na rua da Bela Vista, em Avelãs de Cima, Anadia
Fogo deflagrou pelas 00h50 de segunda-feira numa casa na rua da Bela Vista, em Avelãs de Cima, Anadia FOTO: DR
Foi uma madrugada de sobressalto em Avelãs de Cima, Anadia. Um incêndio numa casa na rua da Bela Vista destruiu esta segunda-feira, por completo, a cobertura, alastrando ao resto da habitação. Oito pessoas ficaram desalojadas.

"O lume tinha uma altura enorme. Vim logo a correr e levámos uma senhora de 96 anos para minha casa", contou ao CM Manuel Calado, vizinho da moradia de dois andares que na madrugada de ontem foi tomada pelas chamas.

A idosa foi uma das oito pessoas que precisaram de ser realojadas. Na casa, arrendada, viviam há cerca de ano e meio duas famílias. "Realojámos algumas pessoas em casa de vizinhos e familiares e outro casal ficou numa unidade hoteleira em Anadia", relatou ao CM Manuel Veiga, presidente da Junta de Freguesia de Avelãs de Cima, que, desde o alerta, pelas 00h50, permaneceu no local.

"A senhora do primeiro andar e a filha ainda foram na ambulância do INEM para o Hospital de Águeda, mas ficaram feridas sem gravidade", adiantou.

As causas deste incêndio que deflagrou numa casa recuperada há apenas dois anos ainda estão a ser apuradas. No entanto, autoridades e autarquia suspeitam de que terá começado na chaminé, num recuperador de calor. "O que consta aqui é que terá começado num recuperador de calor no primeiro andar da casa", admitiu o autarca.

No local estiveram os Bombeiros de Anadia e a GNR. A situação, que levou ao corte da rua, só ficou estabilizada quatro horas e meia depois do alerta.

incêndio famílias casa chamas fogo recuperador de calor Avelãs de Cima Anadia
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)