Mata ex-sogro do irmão com gancho de cabelo no coração

Luís Lopes, 50 anos, foi assassinado após discussão sobre custódia do neto. Crime ocorreu em São Miguel.
Por Miguel Curado|13.10.18
Uma mulher de 34 anos foi detida pela PJ dos Açores, por ter assassinado, com um golpe no coração, desferido com uma das lâminas de um gancho que usava para prender o cabelo, um homem de 50 anos. O crime ocorreu no concelho da Ribeira Grande, ilha de São Miguel, quando a vítima tentava impedir que a homicida e o irmão (pai do seu neto) levassem o menor para passar o fim de semana mais cedo.

O crime ocorreu pelas 16h30 de quinta-feira, à porta de casa da vítima, Luís Lopes, em Porto Formoso. O camionista residia com a mulher e três filhas. Uma delas estava em litígio com o ex-companheiro por causa de um filho. A criança estava a morar com a mãe. O pai, a tia, e outro homem deslocaram-se à casa de Luís Lopes para a ir buscar. A discussão entre os familiares de pai e mãe do menor aqueceu na rua, até Luís Lopes reentrar em casa para ir buscar um pau. "Dizem que ele o fez para se defender", explicou ao CM uma vizinha da vítima.

No entanto, ao voltar à rua, o camionista foi atingido por um rápido golpe no coração. A homicida abandonou o local ainda com a arma do crime. Aterrorizados, os familiares da vítima chamaram os bombeiros da Ribeira Grande e a PSP. "Ainda foi prestado socorro médico à vítima, com apoio do INEM. A mesma foi para o hospital de Ponta Delgada, onde faleceu", explicou fonte dos bombeiros da Ribeira Grande.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!