Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Mulher de 61 anos violada à saída de farmácia em Palmela

Homem de 23 anos procurado para cumprir cinco anos de prisão ainda roubou 20 euros.
Sérgio A. Vitorino 25 de Maio de 2019 às 09:22
Farmácia
PJ de Setúbal
Violação
Farmácia
PJ de Setúbal
Violação
Farmácia
PJ de Setúbal
Violação
A mulher de 61 anos tinha acabado de aviar uma receita numa farmácia e seguia a pé para casa, em Palmela, quando foi agarrada por um homem de 23 anos e empurrada para um contentor.

A vítima foi violada e roubada. O predador, que era procurado para cumprir pena de 5 anos de prisão por roubos, foi detido pela PJ de Setúbal e já está na cadeia.

Segundo explicou ao CM fonte policial, o crime ocorreu quarta-feira à hora de almoço, num local ermo. Vítima e agressor não se conheciam. O homem tem uma longa ficha policial por furtos, roubos, crimes sexuais e burla informática. Vagueava por Palmela quando apanhou a mulher à saída da farmácia.

A vítima foi agredida, forçada a entrar no contentor metálico (muito próximo da estrada) e violada. Sofreu ferimentos que obrigaram à hospitalização.

O agressor roubou 20 euros à vítima, que levava 15 euros em notas e algumas moedas. Tirou-lhe dois cartões bancários e obrigou a mulher a dizer os códigos. A PJ de Setúbal já apurou que houve tentativas de levantamento, sem resultado porque a vítima não tinha dinheiro nas contas. Tenta apurar se foi o violador ou outro homem a quem ele tenha dado os cartões.

O agressor fugiu após a violação e roubo. A vítima, combalida, foi pedir ajuda a um estabelecimento comercial. Descreveu o violador e esses dados foram difundidos pela PJ. A GNR de Setúbal sabia de um homem que andava pela zona e correspondia à descrição. Informou a PJ de Setúbal, que o deteve. A vítima já saiu do hospital.
Palmela PJ Setúbal GNR crime lei e justiça crime polícia crimes sexuais roubo
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)