Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Serviço de Saúde da Madeira repudia acusações de médico e diz não haver cirurgias canceladas

Tomásia Alves considerou que as acusações de Rafael Macedo ao serviço e a alguns colegas são "infundadas, falsas e injuriosas".
Lusa 21 de Março de 2019 às 13:02
Cama de hospital
Cama de hospital
Cama de hospital
Cama de hospital
Cama de hospital
Cama de hospital

A presidente do conselho de administração do Serviço Regional de Saúde da Madeira (Sesaram) repudiou esta quinta-feira as críticas feitas pelo responsável da Unidade de Medicina Nuclear do Hospital do Funchal e sublinhou que nenhuma cirurgia foi cancelada.

Em declarações aos jornalistas, no Funchal, Tomásia Alves considerou que as acusações de Rafael Macedo ao serviço e a alguns colegas são "infundadas, falsas e injuriosas", e referiu que "hoje foram suspensos os exames de medicina nuclear porque houve ausência do médico responsável pela unidade nos últimos dois dias".

"E nós não tínhamos informação se ele hoje viria ou não ao serviço", referiu.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)