Barra Cofina

Correio da Manhã

Sociedade
7

Tempestades e rajadas de vento de 100 km/h previstas para o fim de semana

Previsão de 40 litros por metro quadrado na região Norte.
João Saramago e Alexandre Salgueiro 10 de Novembro de 2018 às 01:30
A carregar o vídeo ...
Tempestades e rajadas de vento de 100 km/h previstas para o fim de semana
A Autoridade Nacional de Proteção Civil emitiu um aviso à população perante a previsão de um agravamento do estado do tempo para este fim de semana. Há condições favoráveis para a ocorrência de precipitação persistente, localmente intensa nos distritos de Viana do Castelo, Braga, Porto, Vila Real, Aveiro e Viseu. No espaço de seis horas podem ocorrer valores de precipitação na ordem dos 40 litros por metro quadrado.

O mau tempo levanta maiores cuidados no Litoral Norte. Rajadas de vento na ordem dos 100 quilómetros por hora (km/h) estão previstas para as Terras Altas, no Minho. As autoridades alertam para a possibilidade de queda de árvores, aconselham uma condução defensiva e recomendam a desobstrução dos sistemas de escoamento das águas, perante o risco de ocorrência de inundações rápidas.

Esta sexta-feira, apesar do mau tempo que se abateu sobre a serra da Estrela, as estradas de acesso à Torre estiveram abertas ao longo de todo o dia e nem o vento, o nevoeiro ou a chuva desencorajaram dezenas de turistas de subir ao ponto mais alto da montanha.

"O mais difícil de suportar é o frio, já que o termómetro marca zero graus, mas para ver este cenário vale a pena o sacrifício", disse ao Correio da Manhã Rúben Santos, brasileiro a residir em Lisboa.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera aponta uma tendência de chuva até pelo menos o dia 18 em todo o território do continente. As temperaturas apresentam valores comuns ao habitual para esta época do ano. Em Lisboa, na próxima semana irão oscilar entre os 10 e os 20 graus. No Porto a amplitude térmica será maior, com variações entre 8 e 20 graus.

Autoridade pede cuidado perante vagas com cinco metros de altura
No Litoral Ocidental as previsões apontam para a ocorrência de vagas capazes de atingir os cinco metros de altura devido à aproximação e passagem de um sistema frontal associado a uma depressão centrada a noroeste das ilhas Britânicas, revela o IPMA.

A Autoridade Nacional de Proteção Civil recomenda "especial cuidado na circulação junto da orla costeira e zonas ribeirinhas historicamente mais vulneráveis a galgamentos costeiros, evitando se possível a circulação e permanência nestes locais". Indica também a não prática de atividades relacionadas com o mar, nomeadamente pesca desportiva.

Primeiro nevão atrai mais turistas à serra
A serra da Estrela regista o primeiro nevão da época com o manto branco a cobrir todo o Maçico Central acima dos 1700 metros. Apesar da previsão de mau tempo, a imagem única no País deverá este fim de semana atrair uma nova enchente de turistas.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) indica para segunda-feira o regresso de temperaturas negativas e também de queda de neve. O frio irá continuar pelo resto da semana.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)