CDSJ: erro de Rodrigues dos Santos foi "lapso"

Em causa a peça sobre os novos deputados.
26.10.15
  • partilhe
  • 0
  • +
CDSJ: erro de Rodrigues dos Santos foi "lapso"
O jornalista da RTP José Rodrigues dos Santos Foto Sérgio Lemos

O Conselho Deontológico do Sindicato dos Jornalistas (CDSJ) considera tratar-se de "um lapso" resultante "de erros processuais" a referência feita no feminino pelo jornalista José Rodrigues dos Santos quando falava do deputado eleito pelo PS Alexandre Quintanilha.

Em causa estava uma queixa enviada ao CDSJ na sequência da referência no feminino feita pelo apresentador no Telejornal de 7 de outubro, quando falava do deputado eleito pelo PS Alexandre Quintanilha, a quem foram pedidas desculpas. Nesse Telejornal, José Rodrigues dos Santos aludiu ao deputado mais velho, de 70 anos, referindo que foi "eleito ou eleita" pelo PS.

"O CDSJ conclui que, de acordo com as explicações apresentadas por José Rodrigues dos Santos, se está perante um lapso, que embora lamentável, resulta de erros processuais decorrentes da evolução do alinhamento do noticiário em causa", refere a deliberação, a que a Lusa teve hoje acesso. "Pelo que se delibera que não pode ser incutida a José Rodrigues dos Santos qualquer intenção de fazer uma discriminação de carácter homofóbico ao deputado Alexandre Quintanilha", acrescenta.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!
Comentário mais votadoEscreva o seu comentário
  • De livre27.10.15
    Portugal é um país maravilhoso!O desemprego aumenta,existem 2 milhões de pobres,a migração é uma constante,aumentam os impostos, os politicos andam atrás do poder como do pão para a boca,mas um jornalista fez uma referência por engano,cai o Carmo e a Trindade e até inventam um Conselho Deontológico para poder resolver este caso bicudo.Será que seria um problema se o erro fosse ao contrário?POBRE PORTUGAL DA MESQUINHES!
1 Comentário
  • De livre27.10.15
    Portugal é um país maravilhoso!O desemprego aumenta,existem 2 milhões de pobres,a migração é uma constante,aumentam os impostos, os politicos andam atrás do poder como do pão para a boca,mas um jornalista fez uma referência por engano,cai o Carmo e a Trindade e até inventam um Conselho Deontológico para poder resolver este caso bicudo.Será que seria um problema se o erro fosse ao contrário?POBRE PORTUGAL DA MESQUINHES!
    Responder
     
     2
    !