Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media
1

Grandes tecnológicas lucram 23,1 mil milhões de euros

Alphabet, Facebook, Amazon e Twitter tiveram resultado líquido positivo nos primeiros seis meses do ano.
Duarte Faria 28 de Julho de 2018 às 01:30
Empresas tecnológicas agitaram os mercados mundiais esta semana com a divulgação de resultados semestrais
Mark Zuckerberg é o cofundador da rede social Facebook
Facebook
Empresas tecnológicas agitaram os mercados mundiais esta semana com a divulgação de resultados semestrais
Mark Zuckerberg é o cofundador da rede social Facebook
Facebook
Empresas tecnológicas agitaram os mercados mundiais esta semana com a divulgação de resultados semestrais
Mark Zuckerberg é o cofundador da rede social Facebook
Facebook
Os mercados internacionais viveram uma semana agitada devido à divulgação de resultados do primeiro semestre dos grandes gigantes da industria tecnológica.

No total, Alphabet (dona da Google e do YouTube), Facebook (que detém também o Instagram e o WhatsApp), Amazon e Twitter lucraram, entre janeiro e junho, mais de 23,1 mil milhões de euros.

A Alphabet continua a ser a maior máquina de fazer dinheiro: lucrou 10,8 mil milhões no primeiro semestre. Mais 2,2 mil milhões do que o Facebook, que se ficou pelos 8,6 mil milhões. De resto, na quinta-feira, a empresa de Mark Zuckerberg enfrentou uma queda histórica na Bolsa de Nova Iorque, superior a 20%, o que resultou numa perda de valor de mercado superior a 100 mil milhões de euros.

Já a Amazon registou o melhor resultado líquido da sua história. A empresa de comércio eletrónico fechou os primeiros seis meses do ano com um lucro total de 3,6 mil milhões de euros, números que estão a animar os analistas, e que levaram a Amazon a bater ontem recordes nos mercados norte-americanos. A multinacional liderada por Jeff Bezos prevê continuar a crescer e quer estabelecer novos recordes no terceiro trimestre.

Quanto ao Twitter, e apesar de ter perdido mais de um milhão de utilizadores entre o primeiro e o segundo trimestre (tal como aconteceu com o Facebook na Europa), lucrou 138 milhões de euros.

Ainda assim, ontem a rede social afundou em Bolsa, com quedas superiores a 18%.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)