Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
8

Teatro: a falta que faz o amor

Peça foi escrita pelo jornalista Rodrigo Guedes de Carvalho.
Ana Maria Ribeiro 30 de Novembro de 2015 às 08:43
Igor Regalla e Sara Prata durante uma cena da peça
Igor Regalla e Sara Prata durante uma cena da peça FOTO: Nuno Silva

Há 13 anos, a estreia teatral de Rodrigo Guedes de Carvalho, escritor e pivô da SIC, fazia sensação. A peça ‘Os Pés no Arame’, encenada por Isabel Abreu no Hospital Júlio de Matos, foi alvo de elogios. O então muito jovem Renato Godinho ("acabado de sair da Escola de Teatro de Cascais") viu o espetáculo. E adorou. Ao ponto de correr à livraria para comprar o livro e de o colocar na gaveta das "peças para, um dia, levar à cena".

"Tocou-me de uma forma muito especial e na altura nem saberia explicar porquê", conta. Hoje, consegue dizer o que o cativa num texto com laivos poéticos que fala de amor. "Acho que a peça está mais atual do que nunca e retrata aquilo que todos sentimos no dia a dia: que as pessoas estão incapazes de se ligarem a si próprias e aos outros; que estão demasiado distraídas para que os seus afetos sejam profundos."

Produzido "sem um tostão, mas com o apoio de muitas pessoas generosas", a peça concorreu – e ganhou – lugar na programação do Teatro da Trindade, Lisboa, onde ficará, na Sala Estúdio, até 20 de dezembro. Os atores, "escolhidos entre quem realmente ama o teatro e se entrega de alma e coração", vão ganhar à bilheteira. São figuras conhecidas da TV: Sara Prata, Sofia Nicholson e Igor Regalla, além do próprio Renato Godinho. "Pensei neles imediatamente quando li a peça."

Ver comentários