Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura

Glorificação de Metallica

Filme cruza gravações de um concerto com a história de um fã em missão impossível
2 de Outubro de 2013 às 09:27
Kalindu gravam com o produtor dos Metallica
Kalindu gravam com o produtor dos Metallica FOTO: direitos reservados

Depois da estreia em versão IMAX, o filme ‘Metallica Through the Never’ estreia amanhã em Portugal em 3D, com a promessa de um grande espetáculo de som e imagem. A banda norte-americana, que em 2004 tinha protagonizado o documentário ‘Metallica: Some Kind of Monster’, apresenta desta feita algo de diferente, e até inovador.

‘Through the Never’ é uma hábil mistura entre um pequeno filme de aventuras recheado de efeitos especiais e um concerto, gravado não da perspetiva da plateia, mas a partir do palco para o público. Ou seja, ao espectador é dada a ilusão de estar em cena, lado a lado com os músicos James Hetfield, Kirk Hammett, Lars Ulrich e Robert Trujillo. Na história de ficção, o ator Dane DeHaan dá corpo a um fã da banda a quem é dada uma missão, mas que acaba por embarcar numa viagem de horror.

E é aqui que o filme, realizado por Nimród Antal, tem tido críticas menos positivas. Elogiado pela forma poderosa como regista o concerto dos Metallica e imortaliza a imagem de uma banda onde cada músico é, em si próprio, uma personagem, muitos críticos dizem ficar perdidos quanto à história paralela e ao seu objetivo – e pertinência – dentro da narrativa.

metallica música filme ‘Metallica Through the Never’ cinema
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)