Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
3

FC Porto aponta "erros crassos das equipas de arbitragem"

Dragões pedem reuniões urgentes com os presidentes da Federação Portuguesa de Futebol e do Conselho de Arbitragem.
Mário Pereira 30 de Abril de 2019 às 08:39
Sp. Braga e Benfica frente a frente na Pedreira
Sp. Braga e Benfica frente a frente na Pedreira
Sp. Braga e Benfica frente a frente na Pedreira
Rio Ave - FC Porto
Rio Ave - FC Porto
Rio Ave - FC Porto
Sp. Braga e Benfica frente a frente na Pedreira
Sp. Braga e Benfica frente a frente na Pedreira
Sp. Braga e Benfica frente a frente na Pedreira
Rio Ave - FC Porto
Rio Ave - FC Porto
Rio Ave - FC Porto
Sp. Braga e Benfica frente a frente na Pedreira
Sp. Braga e Benfica frente a frente na Pedreira
Sp. Braga e Benfica frente a frente na Pedreira
Rio Ave - FC Porto
Rio Ave - FC Porto
Rio Ave - FC Porto
O FC Porto está indignado com as arbitragens dos jogos que na última jornada envolveram a sua equipa de futebol (frente ao Rio Ave) e a do Benfica (em Braga).

Nesse sentido, os responsáveis dos azuis-e-brancos solicitaram reuniões "com caráter de urgência" com os presidentes da Federação Portuguesa de Futebol, Fernando Gomes, e do Conselho de Arbitragem, Fontelas Gomes.

Pretendem que sejam analisados "erros crassos das equipas de arbitragem" dos jogos Rio Ave-FC Porto e Sp. Braga-Benfica que, segundo dizem, "colocam em causa a verdade desportiva desta edição da Liga" e a "bem intencionada introdução do VAR".

São cinco os erros "gravíssimos" apontados pelo FC Porto. Em Vila do Conde (2-2) o árbitro de campo foi Artur Soares Dias (da Associação de Futebol do Porto) e o VAR esteve entregue a Bruno Esteves (AF Setúbal).

Em Braga, o árbitro foi Tiago Martins (AF Lisboa) e o VAR foi João Pinheiro (AF Braga). O Benfica venceu 4-1 depois de ter estado a perder por 1-0 ao intervalo.

"Ensaio sobre a cegueira"
O Benfica reagiu às críticas do FC Porto sobre a arbitragem do jogo de Braga.

"Quem tem 10 pontos a mais na classificação em virtude do benefício de erros de arbitragem e mesmo assim ainda tenta criar uma realidade virtual sobre o jogo de Braga... é porque perdeu o último pingo de vergonha que ainda lhe poderia restar", fizeram saber as águias.

O contra-ataque prossegue: "existe apenas uma espécie de ensaio sobre a cegueira para justificar ainda mais ameaças, mais insultos e mais pressão sobre todos os agentes desportivos".

O Benfica também pediu uma reunião com caráter de urgência ao presidente do Conselho de Arbitragem, que vai receber águias e dragões.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)