Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

União Europeia pede "investigação aprofundada" à morte do jornalista saudita

Federica Mogherini exigiu escrutínio à morte de Jamal Khashoggi.
Lusa 20 de Outubro de 2018 às 22:11
O jornalista Jamal Khashoggi foi assassinado em Istambul
O jornalista Jamal Khashoggi
O Jornalista Jamal Khashoggi
Jamal Khashoggi
O jornalista Jamal Khashoggi foi assassinado em Istambul
O jornalista Jamal Khashoggi
O Jornalista Jamal Khashoggi
Jamal Khashoggi
O jornalista Jamal Khashoggi foi assassinado em Istambul
O jornalista Jamal Khashoggi
O Jornalista Jamal Khashoggi
Jamal Khashoggi

A chefe da diplomacia da União Europeia (UE), Federica Mogherini, exigiu este sábado uma "investigação aprofundada" sobre a morte "extremamente perturbadora" do jornalista saudita Jamal Khashoggi e que os autores sejam responsabilizados.

A União Europeia "insiste na necessidade de uma investigação aprofundada, credível e transparente, que esclareça as circunstâncias da morte e force os responsáveis a assumir total responsabilidade", afirmou Federica Mogherini, em comunicado.

Jamal Khashoggi, 60 anos, entrou no consulado da Arábia Saudita em Istambul, na Turquia, no dia 02 de outubro para obter um documento para casar com uma cidadã turca e nunca mais foi visto.

União Europeia UE Turquia Arábia Saudita Federica Mogherini Jamal Khashoggi Istambul política
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)