Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Tempestade faz 13 mortos em S. Paulo no Brasil

Cheias e deslizamentos de terras fizeram mais de quatro dezenas de desaparecidos nas cidades de Santos, São Vicente e Guarujá.
Domingos Grilo Serrinha e correspondente no Brasil 4 de Março de 2020 às 08:38
Força das águas arrastou veículos e pessoas no litoral de São Paulo
Força das águas arrastou veículos e pessoas no litoral de São Paulo FOTO: Ricardo Moraes
Uma violenta tempestade que se abateu na madrugada desta terça-feira sobre a região conhecida como Baixada Santista, no litoral do estado brasileiro de São Paulo, deixou pelo menos 13 pessoas mortas e dezenas desaparecidas. As cidades mais atingidas foram Santos, São Vicente e Guarujá, onde foi decretado o estado de calamidade após seis mortes e muitos desmoronamentos.

Em poucas horas, choveu nas três cidades mais do que o esperado para todo o mês de março, tradicionalmente chuvoso. Encostas inteiras desabaram, dezenas de casas ruíram e parte das estradas da região, bastante turística, a cerca de 70 quilómetros de São Paulo, ficaram intransitáveis.

Esta terça-feira à tarde, sob chuva intensa, equipas de resgate tentavam desesperadamente encontrar sobreviventes sob montanhas de lama e pedras. Entre as vítimas fatais está um bombeiro, atingido pelo deslizamento de uma encosta quando tentava resgatar uma criança dos escombros de uma casa. Outro bombeiro fazia parte da lista de 45 desaparecidos confirmada pela Proteção Civil.

No Rio de Janeiro, a chuva também já provocou cinco mortes desde domingo. As áreas mais atingidas foram morros na zona oeste e na zona norte, onde a força da intempérie arrastou casas, árvores e até rochas encosta abaixo.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)