Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

General sai da reforma para "arrumar a casa"

Bombeiros atacam falta de “seriedade” do processo mas não criticam a escolha.
Sérgio A. Vitorino 6 de Novembro de 2017 às 08:43
António Costa com Mourato Nunes, que em 2014 o apoiou nas primárias do PS
António Costa com Mourato Nunes, que em 2014 o apoiou nas primárias do PS FOTO: Mário Cruz / Lusa
O general do Exército que, em 2006, enquanto comandante-geral da GNR lançou o Grupo de Intervenção de Proteção e Socorro, uma das principais estruturas de ataque inicial a incêndios, está indigitado pelo Governo para presidente da Autoridade Nacional de Proteção Civil.

O tenente-general Mourato Nunes, de 71 anos, sai da reforma para "arrumar a casa", após um ano em que morreram pelo menos 114 pessoas nos fogos florestais, o que levou à demissão da ANPC do coronel Joaquim Leitão.

"Não temos nada contra o nome. É uma pessoa que conheço e respeito. No entanto, o processo de escolha não teve a seriedade que deveria. Fui [sábado] convocado por email para uma reunião [hoje às 12h00] da Comissão Nacional de Proteção Civil e já lá chegamos com a indigitação como um facto consumado", lamentou ontem, ao CM, Jaime Marta Soares, presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses.

Marta Soares refere que o problema da Proteção Civil são "as políticas e as reformas do setor", que gostaria de ter ouvido antes da indigitação. Diz "nada ter contra" a escolha de mais um militar - o quinto consecutivo - para liderar a ANPC.

"Mas já disse ao primeiro-ministro que, sendo uma área maioritariamente civil, acho que seria bom experimentar ter um civil à frente", diz Marta Soares.

PERFIL
Mourato Nunes nasceu em Castelo Branco. É engenheiro e Comando. Chegou a comandante- -geral da GNR em 2003, era Figueiredo Lopes (PSD) ministro. Fez grandes reformas com Daniel Sanches, António Costa e Rui Pereira. Saiu em 2008. Era agora consultor de segurança e Eduardo Cabrita será o seu quinto ministro da Administração Interna.
general bombeiros governo
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)