Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Usa corda para espancar a ‘ex’ em Sines

Mulher foi espancada durante cinco horas, com corda e chicote.
Joaquim Bernardo 28 de Dezembro de 2019 às 10:57
Violência Doméstica
Mulher vítima de violência doméstica
Mulher vítima de violência doméstica
Violação
Violência Doméstica
Mulher vítima de violência doméstica
Mulher vítima de violência doméstica
Violação
Violência Doméstica
Mulher vítima de violência doméstica
Mulher vítima de violência doméstica
Violação
A vítima, de 43 anos, viveu horas de terror às mãos do ex-companheiro, de 32, no interior da própria casa, em Sines. Sofreu "múltiplas agressões, com recurso a uma corda, chicote, murros e pontapés. Esteve amarrada durante cerca de cinco horas no interior da sua residência, sendo torturada e ficando com inúmeras marcas no rosto e no resto do corpo", apurou o CM junto de fonte da GNR. Os militares resgataram a mulher, na quinta-feira, e detiveram o agressor.

O homem foi presente a primeiro interrogatório judicial, no Tribunal de Santiago do Cacém, e o juiz aplicou-lhe a medida de coação de proibição de aproximação da vítima. O agressor vai ser controlado através de pulseira eletrónica.

Ainda segundo fonte da GNR, os militares deslocaram-se à casa da vítima na sequência de uma denúncia. Encontraram a mulher já no exterior da habitação, com sinais de agressão e só com a presença das autoridades no local foi possível levá-la ao Hospital do Litoral Alentejano, de forma a receber tratamento médico. O homem, que é esquizofrénico, estava ainda no interior da casa e foi detido sem oferecer resistência.

A vítima e o agressor viveram juntos durante dois anos. Separaram-se, mas mantinham encontros que, muitas vezes, acabavam em violência.

Por temer pela sua vida, a mulher nunca tinha apresentado queixa contra o ex-companheiro. Era por este "coagida psicologicamente, impedida de pedir auxílio e obrigada a esconder as marcas das agressões".
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)