Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media

"As pessoas vão finalmente perceber como se faz moda"

O produtor de moda e mentor dos concorrentes de ‘Projecto Moda’, da RTP 1, diz ser “mais espontâneo” do que o guru Tim Gunn.
2 de Julho de 2010 às 00:00
Paulo Gomes
Paulo Gomes FOTO: Jorge Paula

A primeira fase de gravações de ‘Projecto Moda’, que a RTP 1 estreia no final do mês, está quase a terminar. Os dois finalistas regressam ao estúdio em Setembro para a grande final, onde apresentarão as suas colecções. Qual o balanço?

Acho que o formato está muito bem conseguido. Agrada-me o facto de não ter a vertente de reality show, que mostra a intimidade das pessoas. Compreendo que um programa tenha que ter um ‘embrulho’ para quem está em casa, mas acho que o trabalho dos concorrentes e os desafios com que são constantemente confrontados devem ser abordados com seriedade.

A versão portuguesa está à altura da original, ‘Project Runway’?

Tenho que ser sincero. Se compararmos a nossa versão à primeira série norte-americana, os nossos candidatos são muito melhores. Logo no primeiro desafio as pessoas vão poder ver que o trabalho que eles desenvolvem é muito superior ao dos concorrentes norte-americanos. E isso deixou-me surpreendido, até porque estamos a falar da primeira série portuguesa. Provavelmente a segunda vai ser ainda melhor, até porque haverá mais candidatos nos castings.

Quais são as suas expectativas para este programa?

É bom que se encontrem pessoas com talento e é bom que se encontrem essas pessoas de uma forma correcta e não usá-las para conquistar audiências. Além disso, acho que as pessoas que não percebem nada de moda vão achar graça ao facto de, muitas das vezes, a sua opinião não ser a mesma do júri. A moda é uma coisa muita específica, não é acessível a todos. As pessoas vão perceber, finalmente, como se faz moda.

Como se sente quando o comparam ao guru da moda de ‘Project Runway’, Tim Gunn?

É inevitável, uma vez que vou assumir o papel que ele desempenha no programa original. Contudo, não tenho nada a ver com ele. Nem fisicamente, nem na maneira de estar ou de vestir, nem na formação – ele é formado em Arquitectura e eu em Psicologia. Não tenho frases estudadas nem preparo as coisas em casa. Ele é mais contido e eu mais espontâneo.

Como é o ‘mentor’ Paulo Gomes?

Sou muito exigente e levo o trabalho muito a sério. Entrego-me totalmente e exijo que os outros façam o mesmo. Por outro lado, também sou uma pessoa acessível, pois estou lá para ajudar os candidatos.

O que mais o surpreendeu?

A maioria dos designers não está acostumada a confeccionar, deixam esse trabalho para as costureiras. Sempre achei que as ideias iriam superar essa parte da confecção e tive belíssimas surpresas.

Tem alguns preferidos?

Crio alguma empatia com pessoas que apresentam soluções rápidas. Cada vez que um é expulso é complicado. É como se fossem os meus filhos.

O vencedor vai poder mostrar o seu trabalho num evento como ModaLisboa ou Portugal Fashion?

Sim, assim como criar para a Modalfa e ter formação no estrangeiro.

Quais foram os critérios de escolha dos concorrentes?

Queríamos pessoas que conseguissem criar uma peça de roupa do princípio ao fim, desde o desenho à confecção. 60 por cento das escolhas foram óbvias. Os restantes foram seleccionados tendo em conta a sua personalidade e a forma como poderiam influenciar a dinâmica do grupo.

QUEM É

Natural de Palmela, Paulo Gomes, de 47 anos, é formado em Psicologia. Foi a meio do curso que começouacontactar com pessoasligadasà moda, entre elas Ana Salazar.Trabalhou como manequim, deu aulas de moda, colaborou no ‘Independente’,‘Marie Claire’, ‘Elle’ e ‘Máxima’. Foi director da ModaLisboa durante 20 anos. Em TV fez o ‘86-60-86’, com Sofia Aparício. Também é fotógrafo. Neste momento prepara o projecto ‘Manifesto Moda’, uma série de eventos que junta vários países de língua portuguesa.

 

PRIMEIRA SÉRIE

PROJECTO MODA

Adaptado do original norte-americano ‘Project Runway’, com Heidi Klum e Tim Gunn, que já vai na sétima temporada, ‘Projecto Moda’ estreia no final de Julho na RTP 1. Neste concurso, dez designers tentam afirmar-se no mercado da moda dando o seu melhor numa série de desafios que colocam à prova as suas capacidades para criar e confeccionar peças de roupa. Apresentado por Nayma Mingas, o formato tem como júri Manuel Alves, estilista, Fátima Cotta, da ‘Elle’, e uma representante da Modalfa.

 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)