Barra Cofina

Correio da Manhã

Tv Media

Rodrigues dos Santos é o senhor 100 milhões

Em território nacional, tiragens dos seus 24 livros já ultrapassaram os 2,3 milhões de exemplares.
Hugo Real 21 de Setembro de 2017 às 08:31
José Rodrigues dos Santos
'Vaticanum', de José Rodrigues dos Santos, foi o livro de ficção mais vendido em 2016 em Portugal
José Rodrigues dos Santos tem os seus livros publicados em 21 países
José Rodrigues dos Santos
José Rodrigues dos Santos
'Vaticanum', de José Rodrigues dos Santos, foi o livro de ficção mais vendido em 2016 em Portugal
José Rodrigues dos Santos tem os seus livros publicados em 21 países
José Rodrigues dos Santos
José Rodrigues dos Santos
'Vaticanum', de José Rodrigues dos Santos, foi o livro de ficção mais vendido em 2016 em Portugal
José Rodrigues dos Santos tem os seus livros publicados em 21 países
José Rodrigues dos Santos
O sucesso editorial de José Rodrigues dos Santos continua a atingir números sem precedentes no mercado editorial nacional.

Antes do arranque da venda do seu mais recente romance, ‘O Reino do Meio’, que chega hoje às livrarias, os seus 23 livros já venderam em Portugal cerca de 2,28 milhões de exemplares, o que significa uma receita superior a 50 milhões de euros.

Com a tiragem inicial de ‘O Reino do Meio’ (que encerra a trilogia iniciada com ‘As Flores de Lótus’, 2015, e ‘O Pavilhão Púrpura’, 2016) em 30 mil exemplares, as receitas do jornalista em Portugal vão chegar perto dos 51 milhões.

Contudo, a estes valores é ainda necessário somar cerca de 44 milhões, equivalentes aos quase dois milhões de exemplares que o autor terá vendido a nível internacional (não existem números oficiais, mas só em França, as vendas estão próximas de um milhão de exemplares), onde chega a quase 40 países.

Contas feitas, as receitas do autor que já chegou ao primeiro lugar de top de vendas em países como Canadá, França, Suíça, Turquia, Bulgária e Hungria, estão próximas dos 95 milhões de euros.

E, em breve, estes números vão chegar aos 100 milhões, até porque José Rodrigues dos Santos não vai abrandar o ritmo de escrita (um a dois livros editados por ano) e as suas obras vão continuar a chegar a novos países.

Autor encaixa perto de 15 milhões de euros 
Até hoje, a atividade editorial de José Rodrigues dos Santos terá garantido ao autor perto de 15 milhões de euros, isto tendo em conta que o jornalista deverá receber perto de 15% das receitas das vendas dos seus livros em direitos de autor (a comissão normal é de 10%, mas sobe substancialmente no caso de um ‘best seller’).

Contudo, até hoje nem José Rodrigues dos Santos nem a Gradiva, a sua editora, revelaram o valor que o jornalista efetivamente recebe pelas vendas dos seus romances.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)