Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
5

Obra de Picasso é a mais cara de sempre

Pintura foi vendida por 160 milhões de euros.
J.F.S. 12 de Maio de 2015 às 12:54
O leiloeiro Jussi Pylkkanen recebe as últimas licitações para o quadro de Pablo Picasso
O leiloeiro Jussi Pylkkanen recebe as últimas licitações para o quadro de Pablo Picasso FOTO: Reuters

Uma pintura do espanhol Pablo Picasso tornou-se na obra de arte mais cara de sempre, depois de ser vendida num leilão em Nova Iorque, nos Estados Unidos, por 179 milhões de dólares (160 milhões de euros).

Os especialistas esperavam que a obra Mujeres de Argel (versión O) fosse vendida por 125 milhões de euros, mas a licitação final bateu recordes, excedendo em muito as previsões da leiloeira Christie's.

Nesta segunda-feira à noite, vários licitadores competiram através do telefone até à impressionante quantia de 160 milhões de euros. Antes deste leilão, a obra mais cara de sempre era Três estudos de Lucian Freud, do pintor Francis Bacon, que foi vendida, em novembro de 2013, por 142 milhões de dólares (127 milhões de euros).

pintura quadro obra Picasso milhões espanhol licitação recorde
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)