Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
2

Saiba o que revelou Neymar durante as várias horas de depoimento à polícia

Jogador do PSG respondeu às acusações de violação numa delegacia em São Paulo.
14 de Junho de 2019 às 10:29
Neymar
Vídeo mostra Neymar a ser agredido pela mulher que o acusa de violação
Neymar
Vídeo mostra Neymar a ser agredido pela mulher que o acusa de violação
Neymar
Vídeo mostra Neymar a ser agredido pela mulher que o acusa de violação
Neymar esteve largas horas na 6.ª Delegacia da Mulher, em São Paulo, a prestar depoimento no caso da alegada violação de que é acusado pela modelo Najila Trindade e à saída disse "mais tarde ou mais cedo, a verdade vem ao de cima". Mas o 'Jornal Nacional' da Globo já contou o que o jogador disse às autoridades.

O craque do PSG foi confrontado com as conclusões do relatório médico que, apesar de não consubstanciar a existência de violação, atesta a existência de lesões nas nádegas da modelo. Neymar assegurou que a relação sexual que manteve com Najila a 15 de maio num hotel em Paris foi consensual e que lhe deu umas palmadas nas nádegas porque ela lhe pediu que o fizesse. Acrescentou que a modelo posou depois para a foto que ele tirou e que posteriormente acabaria por publicar nas redes sociais, para tentar provar que não houve agressão da sua parte.

Neymar foi acusado pela modelo de chegar ao encontro alcoolizado, mas o jogador garante que tinha ingerido apenas uma bebida, pois acabara de sair do treino. Contou que a modelo disse que o amava e que queria casar com ele. "Como podia ela amar-me se nem me conhecia?", perguntou às delegadas que o ouviram no âmbito deste processo.

O internacional brasileiro acrescentou que usou um preservativo durante a relação sexual, que depois deitou na sanita. Disse que no segundo encontro entre ambos a sua intenção era levar a modelo a uma festa, mas que ela começou a agredi-lo e que ele foi embora. Neymar garantiu que ela nunca lhe disse que tinha sido violada, apenas dizia que ele a tinha deixado sozinha.

No final do depoimento, emocionou-se e contou que toda esta situação por que está a passar é muito difícil. Lembrou que tem mãe, uma irmã e um filho de 7 anos que não pode ir à escola porque dizem que é filho de um violador.
PSG Najila Trindade Neymar 6.ª Delegacia da Mulher São Paulo Paris economia negócios e finanças
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)