Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
9

Águias invadem ilha da Madeira

Ponte aérea garante bancadas cheias de adeptos benfiquistas.
Mário Figueiredo 1 de Maio de 2016 às 09:01
Golo de Jardel (na foto a ser saudado por Fejsa, com Jonas atrás) mantém adeptos encarnados em euforia
Golo de Jardel (na foto a ser saudado por Fejsa, com Jonas atrás) mantém adeptos encarnados em euforia FOTO: Miguel Barreira

O Benfica prepara uma invasão à ilha da Madeira no próximo domingo para o jogo com o Marítimo (20h30), em que até pode festejar a conquista do 35º campeonato, o terceiro consecutivo, se o Sporting perder pontos na véspera com o V. Setúbal.

Apesar da distância, não vai faltar apoio aos benfiquistas. Tal como já aconteceu em outros jogos (último foi o Rio Ave), o Benfica comprou a totalidade dos ingressos para a bancada do topo norte para vender aos seus adeptos.

O clube, através da sua agência, está a promover viagens de um dia (transfer aeroporto-estádio-aeroporto e bilhete garantido para o jogo) por 299 euros.

São esperados dez voos charters na ilha com adeptos que vão encher a dita bancada com cerca de 2200 adeptos. No entanto, é certo que nos outros oito mil lugares haverá uma grande mancha vermelha de apoio. Até porque os madeirenses já pediram à Liga autorização para inaugurar a nova bancada central.


Apesar da iminência do ‘tri’, o CM apurou que o discurso de Rui Vitória para com o plantel é de grande cautela. O treinador está ciente de que o desgaste da longa época está a afetar elementos fulcrais da equipa.

No entanto, a proximidade do título, o prémio de 2,5 milhões de euros e o apoio dos adeptos encarnados podem ser incentivos suficientes para superar o cansaço e garantir a Liga.
Benfica Madeira Marítimo Sporting Rio Ave Liga Rui Vitória futebol
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)