Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Homem desaparecido em Lagos encontrado em França após avaria no carro

José Duarte tem 35 anos e tinha saído de casa para ir deitar o lixo fora.
Ana Palma e João Mira Godinho 29 de Outubro de 2018 às 08:51
GNR
GNR
GNR
GNR
GNR
GNR
GNR
GNR
GNR
GNR
GNR
GNR

O homem que estava desaparecido, desde quarta-feira, em Odiáxere, Lagos, apareceu, esta segunda-feira, em França. Ao que o CM apurou, José Duarte Gonçalves de Oliveira, de 35 anos, terá ido no próprio carro até aquele país, onde a viatura acabou por se avariar.

Pediu ajuda num hotel, de onde ligou para a família. Familiares do homem já se deslocaram a França para o acompanhar na viagem de regresso a Portugal.

Antes de desaparecer, disse que ia deitar o lixo fora e passear o cão. Momentos depois, regressou para junto da porta da casa, no nº 21 da EN125, em Odiáxere, Lagos, prendeu a trela de Zeus à maçaneta da porta e entrou no carro.

Levou consigo apenas os documentos e algum dinheiro. O telemóvel ficou em casa.

O desaparecimento do homem, que trabalha como segurança num lar de idosos da zona, ocorreu minutos antes da meia noite da passada quarta-feira, dia 24 de outubro. José Duarte, casado com Olga, ucraniana, estava abalado devido à morte da sogra, ocorrido no fim de semana anterior, na casa de Odiáxere.

"Ele ficou muito magoado. Foi como se revivesse a morte do próprio pai, há anos. E culpava-se porque achava que, como ele e a Olga tinham saído durante o fim de semana, se tivessem ficado talvez a pudessem ter salvado", revelou ao CM, a cunhada, Hanna Vasko.
EN125 Olga Zeus Odiáxere Lagos José Duarte Gonçalves de Oliveira Hanna Vasko GNR Kia Kia crime lei e justiça
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)