Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

"O senhor tenha juízo"

Leva cadeia, aos 70 anos, por vida ligada à prostituição.
Ana Borges Pinto 5 de Março de 2016 às 01:45
Alfredo Palas foi condenado a quatro anos e dez meses de cadeia
Alfredo Palas foi condenado a quatro anos e dez meses de cadeia FOTO: DR
Alfredo Palas, de 70 anos, dedicou toda a sua vida à exploração de mulheres no negócio do sexo, em várias zonas de Mirandela, o que já lhe valeu várias condenações, pela última das quais esteve preso sete anos. Na sexta-feira, em Bragança, foi uma vez mais punido, agora a quatro anos e dez meses de prisão efetiva por lenocínio, auxílio à imigração ilegal e ofensas à integridade física.

O filho, de 24 anos, apanhou dois anos de pena suspensa por ter sido cúmplice dos mesmos delitos. Ambos foram apanhados pelos inspetores do SEF e da PJ, após rusga no Palas Bar, localizado na EN15, em Mirandela, do qual Alfredo foi proprietário entre 2012 e 2014.

"O tribunal espera agora que o senhor tome consciência e se deixe disto. Tenha juízo", disse ao arguido o juiz presidente Filipe Delgado, acrescentando que o homem fazia do lenocínio "um modo de vida". Alfredo Palas contratava mulheres, a maioria de nacionalidades brasileira e colombiana, que abordavam os clientes no bar a quem faziam companhia e shows de strip e os levavam a consumir bebidas com preços inflacionados, antes de subirem aos quartos para sexo.

cadeia prostituição idoso Alfredo Palas Mirandela shows de strip