'Juiz Sem Medo' brilha no último dia do LEFFEST

Baltasar Garzón veio a Lisboa participar numa conversa sobre ascensão do populismo.
Por Ana Maria Ribeiro|26.11.18
  • partilhe
  • 5
  • +
Terminou este domingo, com um debate sobre populismo, corrupção e direitos humanos em tempos neoliberais, a 12ª edição do LEFFEST - Lisbon & Sintra Film Festival, que trouxe a Lisboa um convidado muito especial: o espanhol Baltasar Garzón.

Conhecido como o 'Juiz Sem Medo' - por ter querido extraditar Augusto Pinochet e ter emitido um mandado de captura contra Bin Laden -, Garzón esteve no Teatro D. Maria II, em Lisboa, a convite do produtor Paulo Branco, para dizer que "ser politicamente correto hoje em dia é consentir nos desmandos que se estão a praticar" e que todos os cidadãos "têm o direito e o dever de lutar pelo fim da corrupção".

O juiz falava antes da exibição do documentário 'The Code', do qual é um dos protagonistas, e que acompanha o trabalho de homens e mulheres que combatem para que nada nem ninguém esteja acima da lei. No final do debate, Paulo Branco não escondia a satisfação. Não só pela adesão à iniciativa - a Sala Garrett do D. Maria II estava cheia -, mas pela forma como o público correspondeu a mais uma edição do festival que organiza desde 2006.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!