Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Homem detido por insultar e ameaçar companheira com faca em Lagos

Agressor agredia fisicamente a mulher com quem vivia há cerca de 15 anos.
Rui Pando Gomes 18 de Setembro de 2019 às 09:06
GNR
GNR
GNR
GNR
GNR
GNR
GNR
GNR
GNR
Um homem foi detido por militares da GNR pelo crime de violência doméstica, em Odiáxere, no concelho de Lagos.

Segundo o Correio da Manhã conseguiu apurar, o agressor, de 43 anos, é suspeito de agredir fisicamente a vítima, de 41, ao longo de cerca de 15 anos de vida em comum.

Além das agressões físicas, a mulher era ainda insultada com regularidade pelo companheiro e ameaçada de morte com recurso a uma faca.

O homem, trabalhador na área da construção civil, foi detido por militares do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) da GNR de Portimão e ouvido esta terça-fiera por um juiz de instrução criminal no Tribunal de Portimão.

Ficou proibido de contactar com a vítima e obrigado a apresentar-se duas vezes por semana no Porto Territorial de Lagos da GNR.

Ao que o CM apurou, este ano já foram detidos 17 agressores pelo NIAVE da GNR de Portimão.

O Algarve é a região do continente com maior taxa de incidência de crimes de violência doméstica por cada mil habitantes, segundo dados do Relatório Anual de Segurança Interna (RASI) de 2018.

No total, foram registadas 1406 ocorrências na região, ao longo de todo o ano passado. Segundo o RASI, a taxa de incidência deste tipo de crime no distrito de Faro cifrou-se em 3,2 casos por mil habitantes, valor muito superior à média nacional, que foi 2,5.

Só nos Açores e na Madeira foram registadas taxas superiores às da região do Algarve.
Lagos da GNR GNR Odiáxere NIAVE RASI Portimão Algarve questões sociais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)