Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Cospe em polícia e parte viatura na Amadora

Jovem de 22 anos disse querer pegar coronavírus a polícias.
Miguel Curado 25 de Março de 2020 às 09:41
Viatura de polícia
Viatura de polícia FOTO: Pedro Brutt Pacheco

Um jovem de 22 anos foi preso pela PSP da Amadora, por ter pontapeado um carro descaracterizado desta força de segurança, cuspindo e agredindo os polícias, enquanto dizia ser portador de Covid-19, e assim querer contaminar os polícias. Esta foi uma das cinco detenções feitas pelo Comando da PSP de Lisboa, por agressões e desobediência ao estado de emergência.

Pelas 23h40 de segunda-feira, o jovem de 22 anos preso pela PSP estava na rua Elias Garcia, Reboleira, quando viu um carro à civil da PSP. Pontapeou-o e quando os polícias o tentaram algemar foram agredidos e alvo de cuspidelas, com o homem a dizer querer contagiá-los com coronavírus. Causou estragos na viatura.

Pelas 11h45 do mesmo dia, na Baixa de Lisboa, um homem de 25 anos foi visto pela PSP a rasgar fitas no Cais das Colunas. Empurrou um agente e quis fugir. Acabou manietado e levado à esquadra, onde partiu a mão a um polícia e tentou estrangular outro.

Ainda na segunda-feira, na Serafina, Lisboa, um homem de 42 anos foi abordado pela PSP por conduta suspeita. Atirou o Cartão de Cidadão aos agentes e tentou fugir, mas foi apanhado. Pelas 11h45, na Gare do Oriente, um homem, de 39 anos, injuriou e tentou agredir polícias que o tentaram desmobilizar de um grupo. Por fim, pelas 21h25 de segunda-feira, em Vila Franca de Xira, um homem de 23 anos, visivelmente alcoolizado, tentou agredir um outro agente e foi preso.

    

Comando da PSP de Lisboa Amadora Covid-19 Lisboa crime lei e justiça polícia questões sociais
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)